terça-feira, 30 de novembro de 2010

Oportunidade de Negócio


Acredito que isso possa ajudar alguem a realizar bons negocios.

Empresas estrangeiras procuram...

05 October 2010


•AUTOMAÇÃO INDUSTRIAL

A companhia Belt Technologies oferece soluções com esteiras, roldanas, aros e múltiplos produtos metálicos, além de aparelhos relacionados, para uma diversificada gama de produção de itens de variadas indústrias com alto padrão de aplicabilidade e qualidade. Seus produtos podem ser utilizados em áreas muito variadas, que, dentre outras, incluem as indústrias alimentícia, médico-hospitalar e farmacêutica. A empresa procura representantes ou distribuidores no País. Contato pelo email massbrazil@massbrazil.com.br.


•ELETROELETRÔNICOS, EQUIPAMENTOS DE ÁUDIO E VÍDEO

A Venmill Industries é fabricante de máquinas para reparo/manutenção de CD’s, DVD’s, Games, CD-ROMS e também HD-DVD’s. Em seus aparelhos é empregada uma tecnologia inovadora chamada OptoClear, que recupera a camada protetora dos discos por ilimitado número de vezes. A empresa procura representantes ou distribuidores no País. Contato pelo email massbrazil@massbrazil.com.br.


• MÉDICO/HOSPITALAR, ESTÉTICO

A Laser Therapeutics, empresa norte-americana, procura distribuidores para dispositivos terapêuticos a laser em dois setores distintos: para uso médico, no tratamento de acne, condições osteomusculares, lesões esportivas, alívio à dor e terapias de combate ao fumo e outros vícios; e para uso doméstico no setor de cuidados pessoais, combate à acne, embelezamento, crescimento do cabelo, anti-aging, atenuação de rugas e marcas de expressão etc. Contato pelo email massbrazil@massbrazil.com.br.

A RNA Medical desenvolve tecnologia e fornece materiais de controle de qualidade e produtos relacionados a hemogasometria, analito de sangue e aplicativos para o cuidado da Diabetes. A empresa procura representantes no País. Contato pelo email massbrazil@massbrazil.com.br.


A Health Enterprises busca distribuir o TRU-ICE Ice Massager -- linha de produtos que facilitam o tratamento de luxações e dores musculares com gelo, tais como luvas e pequenos compartimentos. A empresa também busca distribuir outros produtos como seus termômetros digitais, divisores de comprimidos, munhequeiras, tornozeleiras, joelheiras e cotoveleiras com sistema de aquecimento/resfriamento revezado; massageador de pé com sistema de resfriamento e aquecimento, protetores e talas para lesão nos dedos, anti-séptico natural, irrigador/aspirador nasal, pulseira anti-enjôo, desinfetante de escova dental, acessórios para ouvido, como plugs, solução e pente de combate a piolhos e lêndeas, solução 100% natural umidificante para os olhos, variedade de pulseiras e colares para todas as condições de saúde. Contato pelo email massbrazil@massbrazil.com.br.



•PAPEL, PAPELÃO, EMBALAGENS.

A Ecological Fibers oferece uma diversificada lista de itens de alta qualidade, a preços competitivos, produzidos de forma ecologicamente sustentável, como capas de livros e cadernos; capas protetoras para livros, notebooks e passaportes; material para confecção de caixas, sacolas e pacotes para presente; cartões; entre outros. A empresa procura representantes ou distribuidores no País. Contato pelo email massbrazil@massbrazil.com.br.



•SOFTWARES

A empresa IntervalZero, norte-americana, oferece o RTX, um pacote de software que, adicionado ao Microsoft Windows, torna-o adaptável a diversos segmentos de mercado da indústria de automação e de sistemas médico. Contato pelo email massbrazil@massbrazil.com.br.

 

•ALUMÍNIO

A Francisco Forment S.L, empresa espanhola, procura exportadores de alumínio e suas obras. Contato com Vicente Garrigues Campos pelo telefone +90 24 31 724ou pelo email vgarrigues@forment.net.


•ASSENTOS

A Henwood Desigh, empresa australiana,busca exportadores de assentos, com armação de madeira.Contato com Tracey Plalter pelo telefone +61 29 62 55 634 ou pelo email sales@henwooddesign.com.au.


•ESPELHOS

A Henwood Desigh, empresa australiana, busca exportadores de espelhos de vidro, mesmo emoldurados, incluídos os espelhos retrovisores.Contato com Tracey Plalter pelo telefone +61 29 62 55 634 ou pelo email sales@henwooddesign.com.au.


•MÓVEIS

A Henwood Desigh, empresa australiana,busca exportadores de móveis de metal.Contato com Tracey Plalter pelo telefone +61 29 62 55 634 ou pelo email sales@henwooddesign.com.au.


•A empresa australiana Henwood Desigh busca exportadores de móveis de madeira, do tipo utilizado em quartos de dormir. Contato com Tracey Plalter pelo telefone +61 29 62 55 634 ou pelo email sales@henwooddesign.com.au.


•ÓLEOS

A empresa Genie-s International Ltd, localizada em Hong Kong, procura fornecedores de óleos essenciais e resinóides; produtos de perfumaria ou de toucador preparados e preparações cosméticas. Contato com Lawrence Li pelo telefone +85 22 88 99 088 ou pelo email lawrence@genie-s.com.


•A Guthy-Renker Japan Co., empresa japonesa, busca fornecedores de óleos essenciais e resinóides; produtos de perfumaria ou de toucador preparados e preparações cosméticas. Contato com Michael Allen pelo telefone +81 35 78 99 080 ou pelo email cs@guthy-renker.co.jp.


•PARAFUSOS

A Herrajes Oeste S.R.L, empresa argentina, busca exportadores de parafusos para madeira. Contato com pelo telefone +54 34 14 57 62 32 ou pelo email vane_cappa@hotmail.com.


•PEDRAS

A empresa Hansa, da Lituânia, busca exportadores de pedras. Contato com pelo telefone +37 03 77 50 500 ou pelo email sales@hansaflame.com.


•SABÃO

A Guthy-Renker Japan Co., empresa japonesa, busca fornecedores de sabões, agentes orgânicos de superfície, preparações para lavagem, preparações lubrificantes, ceras artificiais, ceras preparadas, produtos de conservação e limpeza, velas e artigos semelhantes, massas ou pastas para modelar, "ceras" para dentistas e composições para dentistas à base de gesso. Contato com Michael Allen pelo telefone +81 35 78 99 080 ou pelo email cs@guthy-renker.co.jp.


•TRIGO

Hosts Show International Trading Co., da Tanzânia, busca fornecedores de trigo mourisco, painço e alpiste; outros cereais. Contato com Hong Man Chi pelo telefone + 88 66 29 52 222 ou pelo email ginahong22@yahoo.com.


Seguro é conosco http://www.ferrrazseguros.com.br/

Banco do Brasil, o BB libera R$ 4,5 milhões para financiamento de Caminhões

O Banco do Brasil (BB) liberou ontem (29.11), o primeiro lote de financiamento de caminhões, envolvendo 13 operações no valor de R$ 4,5 milhões, por meio de convênio com o MUBC (Movimento União Brasil Caminhoneiro).

Segundo a instituição financeira, o convênio tem como objetivo facilitar e formalizar propostas para a compra de caminhões e carrocerias novas no âmbito do programa Procaminhoneiro, com recursos do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social).

Para as garantias, os proponentes recorreram ao FGI (Fundo Garantidor de Investimento), ao qual o BB aderiu em agosto, com aporte de R$ 5 milhões. O convênio também prevê crédito para pagar o seguro do veículo financiado. "Esses dois dispositivos funcionam também como mitigadores de risco de crédito", afirma em nota o diretor de crédito do BB, Walter Malieni.

O BB informa que o piloto, realizado com o Sindicato dos Transportadores Autônomos de Bens nos Estados do Rio de Janeiro, do Espírito Santo e da Bahia, acolheu 400 propostas no total de R$ 40 milhões. O banco tem como meta acolher mais 100 até o fim do ano. A taxa de juros é de 4,5% ao ano com vigência até março de 2011.

De janeiro a outubro, o BB desembolsou R$ 314 milhões no programa Procaminhoneiro, dos quais 40% (R$ 128,8 milhões) para transportadores autônomos, o que mostra uma concentração da carteira em pessoas físicas. No total, foram 3.558 financiamentos pelo BB com valor médio de R$ 90 mil.

A linha Procaminhoneiro é destinada a pessoas físicas e empresas com, pelo menos, dois anos de atuação no segmento de transporte rodoviário de carga. O prazo é de até 96 meses, com carência de seis meses. O programa limita o financiamento de um veículo completo (caminhão e carroceria) por mutuário.

Segundo dados da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) citados pelo BB, há no Brasil em torno de 817 mil caminhoneiros autônomos registrados e 159 mil empresas transportadoras. O transporte rodoviário responde por 61,1% da carga movimentada no País, seguido pelo ferroviário, com 20,7%, e o aquaviário, com 13,6%. (Informações: Agência Estado/Foto: Divulgação)

Ao comprar o seu caminhão faça o seguro com quem é especialista neste ramo, entre em contato conosco.

http://www.ferrazseguros.com.br/


sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Arrastões no Rio têm cobertura de Seguro


Recebi varios comentários que as Seguradoras não iriam pagar os prejuizos, abaixo tem alguns comentarios, vejam.

Além de prestar atenção aos violentos ataques ocorridos no Rio de Janeiro para ficar longe dele, tente deixa seu carro fora da zona de atrito, se é que isso pode ser possível. Por entender que ainda são pontuais os arrastões que resultam em carros incendiados, as seguradoras associadas à Federação Nacional de Seguros Gerais (FenSeg), a cobertura do seguro está garantida aos segurados vítimas dos ataques do tráfico de drogas no Rio de Janeiro. Caso fosse considerado atos de vandalismo ou de terrorismo, as vítimas ficariam sem o seguro, uma vez que esses são riscos excluídos dos contratos. "Como o entendimento é de que se trata de atos isolados, as seguradoras vão pagar os sinistros provocados por incêndio quando houver solicitação", explicou o diretor da Fenseg, Neival Rodrigues Freitas.

A FenSeg, contudo, lembra que o pagamento do seguro só pode ser concretizado para os segurados que tenham contratado a cobertura de colisão, incêndio e roubo, que é a proteção tradicionalmente mais solicitada pelo consumidor. Para aqueles que optaram por adquirir exclusivamente a garantia de Responsabilidade Civil Facultativa (RCF), cujo objetivo é saldar prejuízos causados pelo segurado a terceiros em decorrência de acidentes, a indenização será negada, justamente porque não houve a compra da cobertura contra incêndio, esclareceu.

Porém, a maioria dos clientes pode ficar tranquila, visto que a compra de pacotes compreensivos (roubo, furto, colisão e incêndio) prevalece no mercado. A FenSeg também não projeta um forte avanço da sinistralidade em virtude de veículos incendiados. Pelos cálculos da entidade, considerando a frota de veículos que pagam o DPVAT, cerca de 30% dessa frota dispõe de seguro de automóvel, ou seja, 13 milhões de veículos.

Número de carros atacados é pequeno perto da frota segurada, por isso não deve impactar valor das apólices

O saldo de veículos queimados no Rio de Janeiro é de pelo menos 55 esta semana. As apólices de automóveis normalmente têm cobertura para colisão, incêndio e roubo,mas excluem indenizações para atos de vandalismo e terrorismo. Os ataques cometidos por traficantes no Rio, porém, não estão sendo considerados pelo mercado de seguros como ato de vandalismo, mas sim como um evento isolado. Assim, os proprietários de carros incendiados que tiverem seguros terão suas indenizações pagas, afirma Henrique Brandão, presidente do Sindicato dos Corretores de Seguros do Rio de Janeiro (Sincor-RJ).

"Esse é um evento isolado para desestabilizar a sociedade, todos os sinistros serão pagos", diz.

"Mesmo porque os carros foram antes roubados para depois serem incendiados", afirma.

Paulo Umeki, diretor de Produtos da Liberty, conta que é unanimidade entre as seguradoras que os casos ocorridos no Rio têm cobertura. "Por ser um caso pequeno em relação ao número de veículos segurados, ele não se caracteriza como convulsão social, um evento que pode gerar uma grande perda para as seguradoras. A exclusão de cobertura de vandalismo e terrorismo é por conta desse risco de grandes indenizações concentradas", afirma. Eduardo Marques, diretor Técnico da corretora Marsh, lembra ainda que essas ocorrências são de caráter imprevisto, que fogem ao controle das pessoas que perderam seus carros, exatamente o conceito chave do seguro.

Preço não será impactado E é exatamente o fato das perdas das seguradoras não serem grandes que o preço do seguro de automóvel não deve subir por conta do episódio, afirmam as companhias. "A frota de veículos brasileiros segurada é de 12 milhões, e o número de carros atingidos foi baixo", diz Marques.

Ele explica que o impacto sobre o preço se dá pelo histórico de sinistros por região,marca de carro, perfil do condutor, entre outros fatores. Em resumo, quanto mais indenizações a seguradora pagar, mais caro fica o seguro para o próximo ano.

"É mais fácil que a chuva de ontem em São Paulo cause mais estragos e sinistros do que o evento todo no Rio", afirma José Luis Ferreira, diretor de Produção da Porto Seguro. Ele conta que as enchentes que ocorreram no Rio no início deste ano sim foram suficientes para aumentar o valor das apólices.

Na época, só a Porto Seguro teve cerca de 600 veículos segurados danificados. "O Estado está tomando conta do caso e não vamos chegar nem perto desse número".


Qualquer dúvida entre em contato conosco Friedenreich & Ferraz Corretora de Seguros.

quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Saiba o que observar antes de contratar um seguro residencial



Apesar de ainda não ter a mesma popularidade do seguro de automóvel, o seguro residencial cada vez mais tem atraído os consumidores.


Dentre os motivos da procura, segundo o coordenador de ramos elementares da Porto Seguro, Marcelo Santana, estão os preços baixos, se comparado aos do seguro de automóvel, e o fato de este tipo de seguro trazer tranquilidade à família.

“Na maior parte das seguradoras, os valores dos prêmios variam conforme as coberturas agregadas à apólice, à localização do imóvel, ao valor da importância segurada, entre outros fatores. Contudo, é certo que, na maioria das vezes o valor anual é mais baixo do que o pago no seguro de automóvel, por exemplo”, explica.


Como escolher?

Ainda de acordo com Santana, ao contratar um seguro residencial, o consumidor deve saber que a cobertura contra incêndio, explosão e fumaça é obrigatória. Ou seja, ela é básica e todas as seguradoras devem oferecer.

A partir daí, as coberturas adicionais a serem agregadas à apólice vai depender da necessidade do imóvel, por isso, é importante observar bem antes de assinar o contrato.

Em uma casa térrea, por exemplo, é interessante que o proprietário contrate proteções contra roubo, vendaval e danos elétricos. Além disso, a cobertura contra impacto de carro pode ser interessante para quem mora em ruas movimentadas.

Já em um apartamento, a cobertura contra vendaval, indicada para as casas térreas, pode não fazer sentido, já que este tipo de imóvel não corre risco de destelhamento. Por outro lado, quem mora em prédio deve contratar uma cobertura de responsabilidade civil, cujo objetivo é proteger contra danos a terceiros, evitando, assim, gastos desnecessários, no caso de um eventual cano estourado acabar impactando o apartamento do vizinho.

Além das coberturas, informa ele, é comum as seguradoras oferecerem assistência 24 horas para danos emergenciais, nos quais somente a mão obra é assegurada.

Contrato

Independentemente do tipo de imóvel, antes de fechar o contrato com uma seguradora, o consumidor deve observar bem as necessidades de sua propriedade, evitando assim, como já dito, a contratação de coberturas desnecessárias.

Por fim, ao assinar o contrato, certifique-se de ter respondido os questionários corretamente e preste atenção se os riscos, coberturas contratadas e importâncias estão devidamente discriminados, bem como assegure-se de que todas as exclusões constam no documento.

O mais importante é escolher um bom corretor de seguro, por isso entre em contato conosco.

http://www.ferrazseguros.com.br/

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Fim do prazo de recadastramento (RNTRC)

O prazo para o recadastramento do Registro Nacional do Transportes Rodoviários de Cargas (RNTRC) está chegando ao fim. A data limite, que era 18 de dezembro de 2009, foi substituída por um calendário conforme o número final dos atuais registros.


A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) afirma que não irá prorrogar mais o prazo e que, conforme a Lei nº 11.442/2007, a Resolução nº 3.056/2009 e alterações, as empresas e cooperativas de transporte rodoviário de cargas e os transportadores autônomos de cargas devem ter o RNTRC atualizado. Somente após a inscrição no RNTRC os transportadores estarão habilitados ao exercício da atividade.


É importante ressaltar que os transportadores que têm os registros com o número final de 1 a 8 e não fizeram o recadastramento, estão irregulares e trabalhando de forma ilegal e, portanto, sujeitos a multas.


Cabe à ANTT, como atribuições específicas pertinentes ao Transporte Rodoviário de Cargas, promover estudos e levantamentos relativos à frota de caminhões, empresas constituídas e operadores autônomos, bem como organizar e manter um registro nacional de transportadores rodoviários de carga.


Operação Comando Nacional


Junto com a Polícia Rodoviário Federal, a ANTT realizou em agosto a Operação Comando Nacional do RNTRC nas principais rodovias do País. Foram vistoriados 28.400 veículos de carga, dentre estes 15% foram autuados.


As irregularidades mais comuns foram ausência de inscrição e do registro dos veículos (44%) e ausência da documentação (38%). Do total, 59% foram de empresas (ETC), 33% de transportadores autônomos (TAC) e 6% de particulares, que independem de inscrição, mas não podem prestar serviços de transporte rodoviário de cargas.


Postos

Sindicatos de Base que estão realizando o Recadastramento:
SETCEPE – (81) 3441.9955 (http://www.setcepe.com.br)
SETCEPB – (83) 3243.1898 (http://www.setcepb.com.br)
SETCARCE – (85) 3276.4118 (http://www.setcarce.org.br)
SETCEMA – (98) 3258.9451 (http://www.setcema.com.br)
SETCAL – (82) 3328.6456 (setcal@uol.com.br)
SETCERN – (84) 3213.5936 (http:/www.setcern.org.br)


Confira abaixo as penalidades para o transporte irregular.

Clique na imagem para ampliar(*)




sexta-feira, 12 de novembro de 2010

Parceria com Sindicato

A Friendenreich & Ferraz Corretora e Administradora de Seguros tem o Know How de fazer parcerias com sindicatos, incluindo em sua convenção coletiva de trabalho o seguro de vida dos trabalhadores.

O mais importante neste case de sucesso é a nossa ação social, onde trabalhamos com seguro de vida para classe D e E, dando conforto no momento mais dificil de uma familia, que é quando o principal gerador de dinehiro vem a falecer.

Veja a reportagem que saiu neste jornal.



Se voce pertence a um Sindicato, Associação entre em contato conosco, que faremos o melhor seguro para sua entidade gerando receitas a mesma.



quinta-feira, 11 de novembro de 2010

Roubo de cargas diminui 10,87% no Estado de São Paulo


De acordo com a SSP/SP (Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo), média mensal de prejuízos sofreu retração de 1,72% em relação a 2009

A SSP/SP (Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo) divulgou o número total de ocorrências de roubo de cargas de janeiro a setembro de 2010. Ao todo, foram registrados 5.198 assaltos em todo o Estado, sendo que 2.650 das ações (50,98% do total) foram realizadas somente na capital. Apesar do alto índice, a média mensal de ocorrências sofreu uma forte retração de 10,87%: 577,5 incidências de roubo ante as 648 registradas na média mensal do ano passado.



O coronel Paulo Roberto de Souza, assessor de segurança do SETCESP (Sindicato das Empresas de Transportes de Carga de São Paulo e Região), enxerga a redução como um quadro de grande otimismo para o setor. “No ano passado nós assistimos o roubo crescer absurdamente, mas para esse ano estamos projetando uma redução de aproximadamente 11% após um crescimento de quase 17% no ano passado, e essa reversão de curva é muito boa. Em termos macro, isso representa, hoje, de 800 a 900 ocorrências de roubos a menos”.

Já em relação ao levantamento de valores subtraídos, de janeiro a setembro, o setor já perdeu R$ 207,970 milhões com roubo de cargas no Estado. A média mensal totaliza R$ 23,091 milhões, o que resulta em uma queda de 1,72% em relação aos meses de 2009, quando foi registrado um prejuízo médio de R$ 23,495 por mês.

“Tenho consciência de que ainda convivemos com um cenário de alto risco, mas essa queda mostra uma ação continuada dos órgãos de policiamento com a prioridade que foi dada em relação ao roubo de cargas. Além disso, acredito que essa queda anual ocorra em todo o território nacional”, acrescenta Souza.

Dentre as cargas mais visadas estão: produtos alimentícios, cargas fracionadas, eletro-eletrônicos e produtos farmacêuticos. Confira abaixo a distribuição das ocorrências:



 
Seguro de Transporte de Carga é aqui na Ferraz Seguros, entrem em contato conosco, pois somos especialistas.

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

SUPER DICAS DE CONDUÇÃO DE MOTOCICLETAS


Caros Amigos, achei estas animações muito úteis para nós motociclitas.
Veja abaixo ou acesse o site : http://www.motoseguranca.com.br/index.html

SOBRE A PILOTAGEM

Sinalizar a freada
Faixa divisória da pista
Farol do espelho
Manchas no asfalto
Cabeceiras de pontes
Buracos

NA CIDADE

Semáforo
Com outras motos
Ultrapassagem
Estacionamento
Costurar no trânsito
Farol aceso



EM RODOVIAS

Ao entrar numa rodovia
Para sair de uma rodovia
Jamais faça ultrapassagens em pontes ou viadutos
Viajando à noite em rodovia de pista dupla
Observe os olhos do outro motorista em seus espelhos retrovisores
Veículos que se aproximam lateralmente do veículo à sua frente
Quando um veículo tenta adentrar em sua pista
Um veículo cambaleando levemente de um lado para outro
Nunca ultrapasse ou fique entre dois veículos mais pesados que o seu
Evite ficar à frente de um veículo mais pesado que o seu

NA CHUVA

Na cidade
As poças d'águas
Na pista de rolagem
Calibragem de pneus


VIAJANDO EM GRUPO

Líder do percurso (guia)
Ferrolho
A formação do grupo
Duas ou mais motos não devem dividir a mesma faixa da estrada
As paradas para abastecimento
O motociclista neófito



SINAIS UTILIZADOS NA ESTRADA

Sinal: Perigo a frente
Sinal: Chuva
Sinal: Pare atrás de mim
Sinal: Olhe no retrovisor
Sinal: Polícia ou radar
Sinal: Animais na pista
Sinal: Acenda o farol
Sinal: Mantenha a fila dupla
Sinal: Parar para abastecimento
Sinal: Aumente a velocidade
Sinal: Reduza a velocidade
Sinal: Vamos parar

Fonte: http://www.motoseguranca.com.br/index.html

segunda-feira, 8 de novembro de 2010

Seguro de Motocicleta com parceria da Loja O Pellegrino

No dia de hoje fechamos a parceria com a Pellegrino Loja de Motocicleta, Acessorios e Manutenção.

É muito bom termos a parceria de empresas que tratem o cliente com muita atenção, pois temos a convicção que o bom atendimento tráz cada dia mais clientes.

Agora nossos clientes podem fazer alem da manutenção, compra de Acessorio na Pellegrino, podem fazer o Seguro da sua Motocicleta e com descontos especiais, por isso entre em contato com o Spoo que você terá o prazer de ser bem atendido e com os melhores preços do mercado.



Motivação a Nossa Grande Diferença

Caros Amigos Leitores, estou postando um video que para mim é o melhor video motivacional e para começar a semana, nada melhor que começar motivacionados, vejam e aproveitem.


video

http://www.ferrazseguros.com.br/